Projecto Travessa da Ermida

“O Projecto Travessa da Ermida” é um projecto cultural inovador dotado de uma personalidade distinta; este projecto visa a promoção cultural e turística nacional e a oferta de experiências diferenciadas e únicas, transversais e sinérgicas entre os vários elementos que o compõem:

Uma capela do século XVIII, “A Ermida de Nossa Senhora da Conceição”, que, após longos anos de abandono, funciona actualmente como espaço de exposições de arte contemporânea e intervenções de design na fachada, apresentando projectos com curadoria e/ou envolvimento de uma estrutura de produção artística. Ao longo dos últimos 8 anos já por passaram por este espaço alguns dos mais consagrados nomes da esfera artística contemporânea, de arte urbana e design nacional;

A “Enoteca de Belém”, local dedicado à experimentação e ao encontro de pessoas e sabores, aposta na divulgação da cultura vinícola e gastronómica nacional e ocupa já um lugar de referência nacional e internacional tendo sido considerado pela revista Wine Spectators em 2015 como “One of the 10 best spots for wining and dining in Lisbon” e tendo já ganho vários prémios nacionais pelo seu serviço de vinhos profissional;

A Oficina de Joalharia “Alexandra Corte Real”, um espaço de comercialização, de criação e de expressividade, onde a joalheira residente e coordenadora, cria e expõe peças contemporânea, recorrendo a técnicas de joalharia tradicional e actual;

A Travessa do Marta Pinto, a rua, é o eixo de ligação do Projecto Travessa da Ermida. Será uma via de contacto com a história de Belém e de Lisboa, mas também de acesso a novas vivências, assumindo o verdadeiro papel de uma rua como espaço de animação, de encontros e passagens, símbolo do movimento quotidiano.



Travessa da Ermida

© 2011- 2013 Travessa da Ermida, todos os direitos reservados

made by:BuzzID